teste

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Dinheiro vivo

Olha isso.

A firma Dinheiro Vivo, do patriota Luis Nassif, é dispensada de licitação e vende seus serviços à Petrobrás de julho de 2010 até fevereiro de 2011 por módicos... 880 mil reais! (contrato # 4600312034)

Homens dessa grandeza definem o nosso Brasil.

Não é de encher o coração de sentimento nacionalista?


Hat tip para o Gravata e o Leo, dois craques.

Reações:

7 comentários:

Eu mesmo já não consigo distinguir quem são os mais picaretas neste mundão sem porteiras. Depois do que se viu de 2007 para cá, uma lista de renomados e notáveis envolvidos em fraudes, desde Madoff, CDOs, centenas de bancos (inclusive de investimento) deixando de existir, agências de análise de risco, empresas de auditoria, maquiagem de dívidas soberanas européias e de balanços de empresas, etc.
Nada me surpreende mais.

Ele já causa prejuízo suficiente com suas asneiras econômicas. Ele é o eterno hors concours do prêmio eço de ignorança econômica. Mas, cacete, com esses contratos, ele mostra que não tem qq limite ético.

Googlei o meu próprio blog para lembrar de alguns dos melhores momentos nassifeanos antigos:
http://lmonasterio.blogspot.com/2008/07/o-sucesso-da-coria-ou-prmio-eo-de.html
http://lmonasterio.blogspot.com/2009/01/prmio-eo-o-candidato-de-sempre.html
http://lmonasterio.blogspot.com/2007/08/prmio-eo-categoria-analfabetismo.html

O nome da "firma" já diz tudo. Aí Alex agora o cara tá montado na grana, aproveita e tasca ação por danos morais no danado.

Caramba que sacanagem com o Jader Barbalho ceder a imagem pra ilustrar matéria do Nassif.

Eu me recuso a postar foto da Besta. Mas quem poderia ser? Se você tiver alguma sugestão de avatar melhor, sou receptivo.

Ele merece, possui notório saber. Ele escreveu a obra prima "us cabeça di pranilha".