teste

terça-feira, 4 de maio de 2010

Shake me like a monkey

Vamos ver quem vai me convencer que nos últimos 20 anos algum outro compositor de pop-rock escreveu melhor sobre homens e mulheres do que meu compadre Dave (Do you know what it is to feel the light of love inside you?).

The thing I like about you
The way you do what you do
The thing I like
about you

God and the devil alone
Could not have made you up
Two must have
worked as one together

So good just wanna eat you up
Nothing like the real thing
Lick your sticky fingers boy
And sing for your dinner sing

Come on pretty baby
Make me lose my mind
Everybody get together
Gonna make love shine

Do you know what it is
To feel the light of love inside you?
And all the darkness falls away
If you feel the way I feel
Then believe we have the answer
I've been searching for tonight
Love me baby love me baby
Shake me like a monkey baby
Forever I'm yours yours yours
Yeah forever I'm

I, I, I
Can't stop thinking about you
Yeah yeah yeah
Why would I want to

I like my coffee with toast and jelly
But I'd rather be licking
From your back to your belly
I, I, I
Think I'm going to

Do you know what it is
To feel the light of love inside you?
And all the darkness falls away
If you feel the way I feel
Then believe we have the answer
I've been searching for tonight
Love me baby love me baby
Shake me like a monkey baby
Forever I'm yours yours yours
Yeah forever I'm

Cigarettes and coffee
Broken hearts and being lonely
Little girls and ponies
Things that go together

Yes and no
You have to choose
Romeo and Juliet
The hang man and his noose
You and me we go good together

Kiss kiss make a wish
Hope that it comes true
I ain't waiting for the world to change
Gonna change the world for you

Come on pretty baby
Make you lose your mind
Everybody get together
Gonna make love shine

Do you know what it is
To feel the light of love inside you?
And all the darkness falls away
If you feel the way I feel
Then believe we have the answer
I've been searching for tonight
Love me baby love me baby
Shake me like a monkey baby
Forever I'm yours yours yours
Yeah forever I'm

Come on everybody
Make me lose my mind
Everybody get together
Gonna make love shine

Reações:

7 comentários:

O "O" in love! Que lindo!Tô emocionado! Vá fundo,"O"! Você é jovem, tem muito tempo pra aprender ainda!

"E não é bom demais?"

É a única verdadeira riqueza da vida, por mais volátil que seja!

Diga-se de passagem, uma riqueza muito mal distribuída – e não tem interferência extra-mercado que resolva!

Parabéns “O” por vir nos dizer que está a cultivar a tenra plantinha do amor. Sei que, de certa forma, deixa de lado a habitual lucidez, para ouvir estrelas e falar com os deuses. Dizem que só reconhecemos o paraíso, depois de perdido. E, na minha idade, essa é uma verdade atroz. Portanto, viva intensamente essa paixão e mande a conta, quando ela vier, pro Alex!

Que felicidade trazeres toda essa LUZ "O"!

Prepare-se para pagar uns micos (ou alguns king-kong's) aqui na caverna, meu amigo.

O Amor, filho de um pai sábio e rico e de uma mãe que não é sábia e pobre, nasce sob o signo da beleza.

Sim! Ouvir estrelas, perder o senso, estar entre os deuses. Ame.
Mesmo passível de cometer um engano, um erro de pessoa, quem ama verdadeiramente é digno de nobreza.

É a ação do Amor que garante a nós, mortais, alcançar a imortalidade que nos é possível.
O propósito (télos) desse anjo (daimon) divino é gerar e parir a beleza, no corpo e na alma.
Pode ser em ambos e até eterno.
Seu destino é enfeitiçadoramente inconcluso, mas seja otimista.

Será o Amor, essa indômita potência (dýnamis), um grande deus inspirador das virtudes?
Divindade mais antiga, eterno, universal, pois presente em toda ordem (cosmos) é a busca pela unidade, um tipo de delírio.
Filósofo par excellence, concepção de nossa alma, um daimon entre o divino e o humano.

Afortunada benção que mais garante felicidade (eudaimonia).

Entusiasta que sou, do Belo em si platônico, vivencio-o como a assinatura do divino (theós) em todos nós.

Sorte (tyché) para os amantes.
Bjs,
Lu Felix Lamy

“Dizem que só reconhecemos o paraíso, depois de perdido.”

O Paraíso somos cada um de nós.
Mas isso é uma longa conversa...