teste

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Missão civilizatória

Recebi um e-mail do Pedro Fernando Nery, que, inspirado numa discussão do blog, passou o exercício abaixo para seus alunos (é melhor clicar para ler o exercício).


Até aí, motivo de orgulho para o blog ter uma discussão sua usada em sala de aula. Isto dito, o mais interessante é como o Pedro conclui o e-mail:

A propósito, 48 de 52 alunos que fizeram acertaram o resultado. Não são alunos de economia, mas calouros dos cursos de Administração e Agronegócio

Já fariam melhor que muita gente no Ministério da Fazenda...

Reações:

15 comentários:

Mais um aí da Fazenda perdendo a oportunidade de ficar quieto: http://economia.estadao.com.br/noticias/economia,ocde-reage-com-ironia-as-criticas-do-ministerio-da-fazenda,89991,0.htm

Duas notícias boas da UnB no mesmo dia!!??? Estou assustado, o que nos espera.

P.S. Quem é da UnB sabe qual foi a outra, quem não é basta dar uma olhada no blog do Reinaldo Azevedo.

Ha ha ha

Será que o Oureiro viu? Ele vai ficar putinho ...

Achei engraçado o enunciado da questão: "Corrija o ministro Mantega". kkkkk

Nelson.

Alguém tem idéia se isso ocorre por ignorância ou é mesmo má fé?

e será que não existe um reporter decente para questionar o mantega sobre tal erro? o cara lança uma informação totalmente errada e ninguem cobra uma explicação...

Os dois que erraram estao com futuro garantido: ministerio na cabeca!

Abracao

Kleber S.

Rodolfo, respondendo à sua pergunta: "Alguém tem idéia se isso ocorre por ignorância ou é mesmo má fé?". Trabalho com dados enviados pelo Ministério da Fazenda. Minha opinião é que é os dois. Fico assustada com o despreparo do ministro, que não ocorre, por exemplo, no banco Central. Os assistentes do Mantega, em reunião do Bank of International Settlements (BIS), simplesmente não sabiam o que estava sendo falado (meu chefe estava ao lado deles).

O correto seria redistribuir os pesos de Alimentos e Combustíveis junto aos demais itens. Correto?!?!

Tal discussão ocorreu também em uma aula de economia do Ibmec - MG e o professor acabou colocando uma questão semelhante para os alunos, não sei o resultado, mas pela simplicidade eu acabei acertando, acho que posso virar ministro agora! rs

48 novos visitantes para o blog. Ao menos procuraram e responderam a pergunta.

Gostaria que fosse dada a resposta...Alguém se habilita?

O correto seria redistribuir os pesos de Alimentos e Combustíveis junto aos demais itens. Correto?!?!"

Isso mesmo

Gente, sou estudante de graduação. Fiz a conta aqui, deu 6,025%. Tá certo?
abraço

5,8% (distribua o peso de alimentos e combustíveis pelos demais itens e recalcule o índice)