teste

quarta-feira, 17 de março de 2010

Uma pergunta irritada

Existe alguma universidade americana com um website pior, mais feio, menos informativo do que o website da USP?

Reações:

9 comentários:

Olha, talvez num daqueles colleges em alguma cidade do interior do Alabama....

Agora, pra não ficar só na USP, e o resto das federais? E não vamos fingir que nas privadas é muito melhor também...

O problema é generalizado!!!

Conferi uma universidade muito ruim. O website é melhor que o da Usp. Mas deve haver. Pensando bem, pior organizado não deve ter não. Eu procuro informação do meu próprio departamento com Google.

Indo na onda:Existe algum banco central latino com um website pior, mais feio, menos informativo do que o website do Banco Central do Brasil? Como referência, confiram o do Banco Central do Chile!

Olha, eu nem pesquisei nem nada. Mas falar do Chile é apelar, é o único país desenvolvido por aqui.

Mas acho que o BC da venezuela, Peru, Bolívia, Equador, devem ter sites bem piores que o nosso BACEN. Se houver BACEN de verdade por essas bandas.

Uma resposta irritada:apela aquele que não confere. Aqueles países que não têm Bacen, obviamente estão á frente.

De fato o site da USP é bem fraquinho.
O da FEA deu uma melhorada no ano passado.
Mas o teste de stress para qualquer aluno de lá é utilizar o sistema JupiterWeb. Pelo amor de deus, não tinha nada mais complicado?

Obs: Não sei o site da Universidade, mas a webpage do departamento de economia da PUC-Rio é, certamente, o pior de todos.

Abs
Caio Machado

Realmente é um problema generalizado!!
O site da ANPEC também poderia ser melhor.
E por ai vai...

Será cultural ?

Acho que depende de como você define cultural.

Existem muitos websites bem desenhados no Brasil, inclusive alguns de entidades governamentais, então nós não temos nenhum “déficit cultural” ou “choque negativo de produtividade” na produção de websites.

Diria que deve ser relacionado a uma combinação de (1) nossa atitude de desprezo com relação à educação (quantas escolas públicas que você conhece no Brasil que têm um website para informar os pais sobre currículo, nome dos diretores, como contatar os diretores? quantos pais brasileiros sabem o que os filhos estão aprendendo na escola? quantos pais brasileiros permitem por omissão que professores da escola privada de seus filhos tentem doutriná-los em ideologia comunista?); (2) a falta de accountability da universidade pública perante a sociedade; (3) a letargia dos corpos docentes e discentes das universidades.

Adicionaria também (4) a burocracia das universidades públicas e a mentalidade burocrática predominante. É difícil fazer coisa por lá, para quem briga para fazer algo website não está na cabeça da lista.

Por quem já levou xingo - ou pior, ignorativas - por sugerir melhorias em websites da Usp.