teste

terça-feira, 25 de agosto de 2009

A volta do feijãozinho

"Tirando o feijão, o feijãozinho que todo mundo come, nós teríamos uma inflação de 4,4%" (Guido Mantega, 29/Abr/2008) http://oglobo.globo.com/economia/mat/2008/04/29/tirando_feijaozinho_que_todo_mundo_come_inflacao_seria_de_4_4_diz_mantega-427117291.asp Alguém ouviu o ministro afirmar agora "Tirando o feijão, o feijãozinho que todo mundo come, nós teríamos uma inflação de 4,7%"?

Aliás, alguém ouviu o pessoal que explicava a inflação em elevação no ano passado pelos preços de alimentos reclamar agora que a inflação sem alimentos está em 5%, acima da inflação cheia?





Ninguém? Ainda bem. Achei que tinha ficado surdo.
P.S. Antes de aparecer um comentário cretino sobre taxa de juros noto que nossa previsão é de estabilidade da Selic até o final do ano que vem (a curva de juros, ao contrário, projeta aumentos desde o começo de 2010). Mas só porque nossa análise é simétrica, é claro.

P.S.2 A pedido do "campeão ae" segue o índice de difusão (do IPCA, claro) total e sem alimentos.



P.S. 3 Segue abaixo, para acalmar a mocinha histérica, o CRB em reais, assim como os preços dos bens importados e exportados pelo Brasil (bens de consumo e o total dos bens importados e exportados). A base é agosto de 2008. Até o final daquele ano todos estavam em patamares superiores aos registrados em agosto, exatamente antes da desvalorizaçao da moeda. O conjunto das coisas que o Brasil importou e exportou ficaram só 23% mais caras em moeda local... (Mas como não fez a conta vai ter que comer o feno sem o torrão de açúcar).

Reações:

82 comentários:

O problema deve ser do Ministério da Agricultura.

"para cuidar do tema. Penso, por exemplo, que se a causa da inflação tem sido a alta dos preços dos alimentos, o Ministério da Agricultura poderia apresentar um relato minucioso, um diagnóstico da situação e apresentar as suas perspectivas para o problema"

http://maovisivel.blogspot.com/2008/01/as-ltimas-do-sics.html

Você poderia opinar no tópico aberto no Espectro Econômico?

http://espectroeconomico.blogspot.com/2009/08/o-debate-sobre-inflacao-e-crescimento.html

Faz um favor ae campeão, põe um gráfico da difusão do IPA industrial (com e sem alimentos).

"antes de aparecer um comentário cretino sobre taxa de juros noto que nossa previsão é de estabilidade da Selic até o final do ano que vem"


Carequinha eu projeto diferente de você.Selic deve subir ano que vem por causa do deficit nas transações correntes.O Déficit em conta corrente atrapalha o crescimento da economia e obriga o BC a subir o juro para conter a desvalorização do cambio.

Lucrécio

Falando em comentários cretinos...

O que Afetou o Brasil foi justamente termos entrado na crise com deficit na balanca de pagamentos.

Uma das causas do crescimento pifio Brasileiro é o baixo saldo na Balança comercial.Desde 2006 o saldo só cai,o que é um indicador ruim.

Lucrécio

Alex,

Temos alguns insumos que sofrem influência do US$(p.ex. energia elétrica), portanto, uma indexação. Mas a escala não para de crescer: O mínimo será reajustado pela inflação + PIB, aposentadorias terão algo parecido, funcionários públicos pelo IPCA e um plus etc. Como vc vê essa reindexação?

Alex, quais os países da AL que tem uma história parecida com a do Brasil de choques externos passados para a inflação?

"Uma das causas do crescimento pifio Brasileiro é o baixo saldo na Balança comercial.Desde 2006 o saldo só cai,o que é um indicador ruim."

Estas é das que eu gosto. Vamos lá:

Saldo PIB
2006 46.3 4.0%
2007 40.0 5.7%
2008 24.8 5.1%
2009 28.0 0.0%

2007 saldo caiu e cresc PIB se acelerou
2008 saldo caiu e cresc PIB caiu (mas até a crise estava acelerando - de qualquer forma o saldo era menor que em 2006 e o crescimento maior)
2009: saldo deve subir e cresc PIB deve ficar em torno de zero

Tese rejeitada. De volta ao livro de macro.

"Como vc vê essa reindexação?"

Burrice.

"O que Afetou o Brasil foi justamente termos entrado na crise com deficit na balanca de pagamentos."

Já foi tratado aqui

http://maovisivel.blogspot.com/2009/01/prevenir-o-qu.html

Conclusão: não há nenhuma relação entre uma coisa e outra, mas é nptável que Argentina, Venezuela e Rússia, com elevados saldos em conta corrente estejam sofrendo mais que Brasil ou Chile (e não me venham atribuir isto a choques negativos de termos de troca - todo mundo aí levou)

Alex,

Recentemente em entrevista ao programa Roda Viva o Mundell defendeu que o Brasil, assim como a maiorida dos países do mundo, deveria atrelar seu cambio ao dólar. Comente por favor...

Abs,

Hoje o Jesús Fernández-Villaverde (Penn) trata no seu blog Nada es gratis sobre se os economistas (entendendo estes como mestres ou doutores em economia com experiência na academia ou em BCs, Ministérios de Economia, Serviços de Estudos, etc..) são melhores que os demais em cargos de responsabilidade: http://www.fedeablogs.net/economia/?p=565
Acho que é um debate bem interessante.
Abrs,
A

Prezado Alex,

Me explica uma coisa, o que faz o pessoal do governo além de gostar de indexação e ficar mantendo ela até hoje gostar tanto de cáculo de imposto "por dentro" como no exemplo abaixo, estou tentando a dias explicar isso para americanos e chineses sem sucesso, alguma sugestão?

http://www.startaduaneira.com.br/valim/icms_no_comercio_exterior/calculo_por_dentro.htm

"Recentemente em entrevista ao programa Roda Viva o Mundell defendeu que o Brasil, assim como a maiorida dos países do mundo, deveria atrelar seu cambio ao dólar."

Algo esquisito aconteceu com o Mundell em algum ponto da sua vida. Ele se tornou "supply-sider" e começou com umas ideias bizarras, muito pouco relacionadas ao seus trabalhos anteriores (por exemplo, todo seu trabalho sobre "optimal currency area" é irreconciliável com esta afirmação).

Enfim, por mais que admire o trabalho do Mundell feito ali nos anos 60 e 70, não dou muita importância às afirmações de hoje.

Ainda sobre a medida de produtividade do setor público apresentada pelo IPEA (e ainda não comentada......): texto do Regis Bonelli, "Economic Growth and Productivity Change in Brazil" parece cometer a mesma impropriedade no cálculo. Dá pra explicar?

Errado Carequinha,o saldo diminiu por causa da valorização do cambio.Qualquer pais que queira ter um crescimento sustentado durante muito tempo tem que manter um alto saldo na balança comercial.

Outro exemplo é os EUA,eles não crescem mais por causa do deficit na balança comercial.

Lucrécio

"Errado Carequinha,o saldo diminiu por causa da valorização do cambio."

Não tente mudar o assunto Polianinha falsificada. Sua afirmação foi:

"Uma das causas do crescimento pifio Brasileiro é o baixo saldo na Balança comercial"

No entanto, anos de crescimento também foram anos de queda de saldo.

Agora para matar. A primeira coluna mostra o saldo comercial do país (US$ bilhões). A segunda seu crescimento anual. Este país registou um superávit médio de US$ 86 bilhões/ano, e um crescimento estonteante de 1,6%/ano. Chama-se Japão:
Saldo %
1988 79,4 5,7
1989 61,5 6,6
1990 56,0 4,4
1991 83,8 1,7
1992 108,0 -0,1
1993 119,6 0,5
1994 124,5 0,9
1995 96,4 2,5
1996 58,1 3,7
1997 76,4 -0,1
1998 123,1 -1,7
1999 120,1 0,3
2000 93,5 3,2
2001 49,9 -1,7
2002 83,2 2,0
2003 94,7 2,4
2004 116,7 1,1
2005 73,9 2,9
2006 66,3 2,1
2007 96,6 1,9
2008 23,7 -4,3

No mesmo período, o país que registrou um déficit comercial médio de US$ 358 bi/ano, mas que cresceu, em média 2,9% ao ano. Chama-se EUA.

Pelo menos pesquise antes de proferir bobagens.

Anônimo - O cálculo realizado pelo IPEA está certo. A metodologia utilizada está correta. É horrorosa mas é a utilizada no mundo inteiro.

O que não está correto é a comparação da produtividade entre os setores públicos e privados. São coisas totalmente diferentes.

O homi do IPEA se aproveitou de uma metodologia controversa para justificar o inchasso na folha e no número de funcionários públicos no país. A comparação com a produtividade do setor privado é descabida, para não falhar calhorda, ridícula e claramente eleitoreira.

O IPEA acabou. Foi para o vinagre.

Saldo comercial x crescimento: 1) O caso da Alemanha foi diferente, não? 2) No longo prazo (antes de estarmos todos mortos!), o déficit não exigirá um doloroso ajuste (ex. USA)? E, da mesma forma, o superávit (Japão, China)? Deve-se pretender um equilíbrio do comércio exterior, ou deixar que todos se enfrentem no livre jogo do mercado? Não estaria aí a etiologia das crises? Esse enfrentamento não se dará sempre à custa de manipulações no câmbio, exploração de mão-de-obra barata, utilização utilidades ou sistemas de produção de alto impacto ambiental, etc (i.é.: um jogo meio sujo)? Como o sr. imaginaria um mundo mais “saudável” sob os aspectos relevantes? Perdoe-me uma indagação tão ampla.

"O que não está correto é a comparação da produtividade entre os setores públicos e privados. São coisas totalmente diferentes."

Nesta linha, Pablo, segue trecho da coluna da Miriam Leitão sobre os comentários do Samuel Pessôa e José Roberto Afonso.

"Esta semana o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou mais um dos seus
“Comunicados da Presidência”, que o órgão inventou na atual gestão. O texto comete um erro crasso na
opinião dos economistas José Roberto Afonso e Samuel Pessoa, que analisaram o estudo. O documento sustenta que a produtividade do setor público cresceu mais do que a do setor privado, mas compara alhos e bugalhos. É muito diferente o cálculo da produtividade do setor privado, que tem o que contabilizar como produção, e o mesmo cálculo do setor público.

Afonso e Pessoa explicam que o conceito de valor agregado usado pelas Contas Nacionais do IBGE,
seguindo padrões internacionais, estabelece que a produção no setor público é calculada pelo aumento
dos salários e das despesas. A metodologia não permite a comparação com o setor privado. E dão um exemplo: se uma empresa contrata empregados e os deixa em casa dormindo, perde rodutividade; se o setor público fizer isso, a produtividade não cai.

O estudo da presidência do Ipea tem conclusões esquisitas como a de que a produtividade de Roraima, por exemplo, aumentou 136%; a de São Paulo, 0,7%; e a do Espírito Santo caiu 7,4%. Os estados que fizeram choque de eficiência e gestão não tiveram ganhos de produtividade."

Alex,

Eh impressao minha ou vc nao entendeu o pedido do "ae campeao"? O cara pediu a difusao do IPA Industrial e nao do IPCA... ateh onde eu sei (nao sou PhD) eles sao diferentes... ou nao?

abs
Salvio

"Eh impressao minha ou vc nao entendeu o pedido do "ae campeao"?"

Entendi, mas:

(1) Os índices de difusão do IPCA eu tenho prontos; os do IPA não (e tenho mais o que fazer);

(2)Estou discutindo a coerência da análise do IPCA, não do IPA;

(3) Quem vem falar do IPA baixo agora era o mesmo pessoal que ignorava o IPA alto lá atrás. Por que deveria dar este gostinho?

O fato dos juros ficarem estáveis nas projeções (e meu banco tbm prevê estabilidade), e a curva de juros futuros descoladas significa que as expectativas do mercado tenderão a prevalecer?
Mauricio

"Afonso e Pessoa explicam que o conceito de valor agregado usado pelas Contas Nacionais do IBGE,
seguindo padrões internacionais, estabelece que a produção no setor público é calculada pelo aumento
dos salários e das despesas. A metodologia não permite a comparação com o setor privado. E dão um exemplo: se uma empresa contrata empregados e os deixa em casa dormindo, perde rodutividade; se o setor público fizer isso, a produtividade não cai. "

O pior de tudo isso eh que as vezes eu acho que os erros do Pochman nao sao propositais, eh ignorancia mesmo.

"O pior de tudo isso eh que as vezes eu acho que os erros do Pochman nao sao propositais, eh ignorancia mesmo."

Esta é a grande questão: (a) ignorância ou (b) má-fé?

Entre (a) e (b) cravo (c) AMBAS

"(1) Os índices de difusão do IPCA eu tenho prontos; os do IPA não (e tenho mais o que fazer);"

Pensei q esse fosse o trabalho de um economista de um banco... ou pelo menos dos asseclas dele.. engraçado...

"(3) Quem vem falar do IPA baixo agora era o mesmo pessoal que ignorava o IPA alto lá atrás. Por que deveria dar este gostinho?"

Mas vc era um dos q mais falava sobre o IPA alto lá atrás (!!!) e agora vem me dizer q tem mais o q fazer do q "plotar" uma simples difusão?

abs
Salvio

"Mas vc era um dos q mais falava sobre o IPA alto lá atrás (!!!) e agora vem me dizer q tem mais o q fazer do q "plotar" uma simples difusão?"

Caro Perdidio:

Não.

Você não vai encontrar em nada do que escrevi qualquer historinha sobre IPA (ou preços de commodities). Aliás, se você souber ler, sugiro que veja aqui mesmo no blog os seguintes posts:

http://maovisivel.blogspot.com/2008/05/inflao-e-o-p-de-feijo.html
(Mostra, como mostrei aqui, que a inflaçao ia além de preço de alimentos)

http://maovisivel.blogspot.com/2008/05/inflao-alm-do-p-de-feijo_28.html
(Mostra que a aceleração da inflação estava ligada a níveis crescentes de utilização de recursos)

http://maovisivel.blogspot.com/2008/06/inflao-contagiosa.html
(Mostra que não eram preços externos que aceleravam a inflação)

http://maovisivel.blogspot.com/2008/07/pense-globalmente-aja-localmente.html
(Mostra o porquê da última afirmação)

e

http://maovisivel.blogspot.com/2008/09/ainda-o-preo-de-commodities-e-inflao.html
(Mostra uns gráficos do Pastore explorando temas semelhantes).

Minha sugestão é que você coloque delicadamente o rabo entre suas pernas e peça perdão. Neste meio tempo veja se o gráfico de difusão do IPCA sustenta sua tese.

Sua resposta foi no mínimo deselegante... nao me recordo de discutir com pessoas de tão baixo intelecto emocional qualquer assunto relevante... mas, realmente, eu parei de ler os seus textos quando percebi que a maioria eu jah tinha lido no meu livro de Introducao à Economia na graduação... e por incrivel q pareça, são os mesmos gráficos e exemplos...

cordialmente
Salvio

Bizarro...este novo "estudo" do IPEA ultrapassa os limites do aceitável ...até para heterodoxos brasileiros...Publicar um negócio desses deveria dar cadeia...
abs
Rogério Ceni
(vai marcar gol na porcada no domingo)

"Sua resposta foi no mínimo deselegante... nao me recordo de discutir com pessoas de tão baixo intelecto emocional qualquer assunto relevante..."

Magoou mocinha? Ah, que pena...

Poodle do Bevilacqua,

Já que você continuou a discussão no seu nível intelectual (emocional?!?) de 12 anos, vou colocar algumas considerações (claro que não vou apelar como você, do contrário você não publicaria):

(i) sobre os teus relatorios (Micro e Macro 101), uma sugestão seria colocar “Qualquer semelhança é mera coincidência.” no final dos teus textos, nao acha? Talvez te evite processos futuros das editoras...

(ii) Por que você põe tanta econometria e formulações matemáticas nos teus relatórios do banco? Eh recalque de nenhum journal relevante querer publicar os seus extraordinários trabalhos?? Ou é porque você teria que dividir os créditos com os teus asseclas e o seu ego não permite??

(iii) Não consegui achar nenhum relatório antigo no meu e-mail com o assunto incial (tenho certeza de ter lido, deve ter sido um dia no banheiro), mas como você perdeu a linha da discussão não tem importância. Agora, se me der licença vou ler um relatório do Loyo, que é mais interessante do que os seus devaneios e xingamentos do além...

(iv) os “possantes” Nassif e Oreiro te mandaram um abraço...

(v) percebe-se que você apela sempre que não tem argumentos... talvez uma psicologa te ajude...

(vi) Links interessantes para quem quer admirar a educação e cordialidade do "gênio" e o seu passado

Apesar do autor, excelentes definições:

"(...) No de outro diretor, Alexandre Schwartsman, apenas currículos escolares, nenhuma obra acadêmica de peso." - http://luisnassifeconomia.blig.ig.com.br/2007/08/os-gestores-do-banco-central.html

"Salve Oreiro, a grosseria desse rapaz é diretamente proporcional à sua falta de cultura geral. É um mero manipulador de modelitos, sem conhecimento histórico, sociológico, de microeconomia, de qualquer aspecto ligado à economia real. É um planilheiro apenas, bom auxiliar para um economista que tenha idéias e precise de um calculista" - http://jlcoreiro.wordpress.com/2009/04/21/comentarios-do-luis-nassif-a-minha-resposta-a-alexandre-schwartsman/

Cordialidade com os colegas economistas
http://maovisivel.blogspot.com/2009/04/os-tentaculos-da-dimensao-z.html

Passado
http://www.spiceee.com/pensaletes/2003/05/23/genghis_khan

Aquele abraço!!!
Salvio

Ihhh. Alguém ficou machucado com minha grossura...

Deixa o cara. É um coitado (Perdidio eh sacanagem, po).

Sobre o estudo do IPEARGHHH! recomendo a leitura de um trabalho desenvolvido pelo gabinete do Senador Tasso Jereissati. Trabalho muito bem feito. Gostaria de ver mais trabalhos assim saindo dos gabinetes do senado e da câmara. Seja de governo ou oposição. Não importa.
Mas parece que é mais fácil ficar recortando cartolina vermelha e buscando letras de músicas no google (fala sério Suplicy!). Por favor amigos paulistas: Affif! Ok? Ok.

http://www.tassojereissati.com.br/attachments/151_IPEAProdutividadePublicaII.pdf

"Sobre o estudo do IPEARGHHH! recomendo a leitura de um trabalho desenvolvido pelo gabinete do Senador Tasso Jereissati. Trabalho muito bem feito."

Muito provavelmente é trabalho do Samuel Pessôa. Vou dar uma olhada.

"(ii) Por que você põe tanta econometria e formulações matemáticas nos teus relatórios do banco?"

o q significa isso?

seria pq ele é economista e, como os relatorios sao para um publico de iniciados, a linguagem econométrica é mais adequada, pois simplifica, ao contrario do que ocorre quando o texto é para artigos em jornal de grande circulaçao, cujos conteúdos até pseudo jornalistas a soldo se creem capazes de criticar?

Pois é Alex, deixa os caras virem aqui te cornetar! Deve ser algum macaco de mesa de operações que perdeu dinheiro, tá amargurado e quer botar a culpa em alguém. No mínimo fez alguma faculdade particular por aí e nem entende das suas econometrias e equações...

Vamo Jason domingo, caça aos porcos!
Abs.

"Ou é porque você teria que dividir os créditos com os teus asseclas e o seu ego não permite??"

Tenho aqui no meu e-mail copias dos relatorios do Santander:

17/12/08 If Not Now, When?
Alex e Tatiana

20/2/09 The Year We Live Dangerously
Alex e Cristiano

16/3/09 Weighing Smoke
Alex e Tatiana

4/5/09 Numbers
Alex e Tatiana

6/7/09 Over the hills and far away
Alex e Cristiano

Deve ter mais. Tem certeza que esta lendo a pessoa certa?

Onde é que eu encontro esses relatórios ? É de circulação interna ?

"Onde é que eu encontro esses relatórios ? É de circulação interna ?"

Foram distribuídos a clientes, mas eu tenho todos. Quem quiser pode pedir.

Se você for em qualquer livro de Macro ele vai lhe mostrar que quando o crescimento é maior a demanda por importação cai.

A respeito do Japão ele teve um enorme crise bancária,não dá para comparar com o crescimento americano.Na decada de 70/80 eles cresceram bastante com um superavit comercial elevado.

Lucrécio

"Se você for em qualquer livro de Macro ele vai lhe mostrar que quando o crescimento é maior a demanda por importação cai."

Só se for de uma editora cujo livro de Física afirme que as coisas caem para cima...

Na boa: você não tem vergonha de ser tão burro?

Não fica constrangido de fazer afirmaçãoes que superam todos os recordes humanos e simiescos de cretinice?

Tem certeza que faz parte da ordem dos primatas?

O detalhe é que a equipe economica da fazenda é ortodoxa (Bernard Appy,Nelson Barbosa).

"O detalhe é que a equipe economica da fazenda é ortodoxa (Bernard Appy,Nelson Barbosa)."

ORTODOX...HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAH

Não mudou muita coisa da equipe economica de Palocci para a de Mantega.

"Na boa: você não tem vergonha de ser tão burro?

Não fica constrangido de fazer afirmaçãoes que superam todos os recordes humanos e simiescos de cretinice?

Tem certeza que faz parte da ordem dos primatas?"


Eu olho os dados para me basear meus argumentos economicos.Japão China,Korea do Sul,Taiwan,Singapura,Índia,Chie,Argentina,Rússia
foram paísses que cresceram com superavit na balança comercial e nas transações correntes.

EUA vai se recuperar logo porque o deficit comercial e nas transações correntes encolheu.


Lucrécio

Qual a tendência da TR nesta brincadeira?

"Não mudou muita coisa da equipe economica de Palocci para a de Mantega."

Quase nada. Só o Secretário de Política Econômica, o do Tesouro, o Secretário Executivo, o Secretário de Assuntos Internacionais, e o da Receita Federal, assim como as respectivas equipes.

Mas talvez não no Planeta Mongo.

"Eu olho os dados para me basear meus argumentos economicos.Japão China,Korea do Sul,Taiwan,Singapura,Índia,Chie,Argentina,Rússia
foram paísses que cresceram com superavit na balança comercial e nas transações correntes."

Realmente o Japão cresce uma barbaridade há tempos. A Argentina e a Rússia são powerhouses de crescimento.

A Índia tem um modesto déficit de US$ 96 bilhões na balança comercial

Não vale olhar os dados do Planeta Mongo.

falando em Bernard Appy... olha o que ele disse recentemente:

"Acredito que dei minha contribuição ao trabalho no Ministério da Fazenda. O Brasil está muito melhor que em 2003" , disse.

http://www.valoronline.com.br/?online/politica/6/5738328/21/bernard-appy-deixa-governo

"Acredito que dei minha contribuição ao trabalho no Ministério da Fazenda. O Brasil está muito melhor que em 2003" , disse.

E é tudo verdade.

"E é tudo verdade."

Mentira,Brasil ainda é o país que apresenta maior volatividade cambial do mundo.Real é a moeda que mais se desvaloriza/valoriza,por isso o Brasil é uma economia fechada.

O importador não se anima muito a operar no Brasil em razão da imensa volatilidade. O risco cambial é uma variável totalmente nova, que atrapalha muito. Para o empresário local, a volatilidade funciona até como uma barreira tarifária. A empresa compra insumos locais porque é mais seguro. Daqui um ano, um similar importado pode dobrar de preço.

Alguem que conhece Brasilia bem melhor que eu uma vez disse-me que o dano do Mantega eh limitado porque ele teria um alter ego no ministerio que pensaria por ele. Eu perguntei quem seria esse alter ego, mas meu colega desconversou.

Eu achei que era o Bernard Appy porque meu colega em outro contexto citou o Appy como o unico no ministerio com capacidade tecnica e gerencial para tocar adiante projetos de reforma (e o unico projeto de reforma de monta na agenda do ministerio era a reforma tributaria do Appy)

Alguem pode corroborar essa informacao?

Se for verdade, isso significa que o Mantega perdeu sua babysitter?

"O"

Por que vc não fez essa análise simétrica quando recomendou ALTA de juros, quando este estava em 13,75%, no auge da crise internacional há pouco menos de 1 ano ???

"Por que vc não fez essa análise simétrica quando recomendou ALTA de juros, quando este estava em 13,75%, no auge da crise internacional há pouco menos de 1 ano ???"

Porque a moeda havia desvalorizado 40%, ué? Da mesma forma que achei correto baixar juros quando a moeda apreciou.

Carequinha Hugo Penteado ja projetava uma Selic menor que você mesmo quando houve o choque cambial.l

"Carequinha Hugo Penteado ja projetava uma Selic menor que você mesmo quando houve o choque cambial.l"

Abalu daki dan-do lana mado tandiam, Kota klu-kal meeta ramba Kreesha. Popo Pisah.

Alex, o que vc acha mais provável ? Juros mais baixos ou mais altos do que estão hoje ao final de 2010 ? PS : Não vale depende ..... rsrs

"Porque a moeda havia desvalorizado 40%, ué? Da mesma forma que achei correto baixar juros quando a moeda apreciou."

E as comodities havia caído 50%, ué? Para compensar -50%, uma matemática elementar nos leva a conclusão que precisariam de 100% de desvalorização para a simples MANUTENÇÃO dos seus preços em reais ..... Claro que a infação engloba muito mais coisa, mas que seu "moldelito" "faiô feio, ahhh isso faiô" .... Vamos lá, admita !!!

"E as comodities havia caído 50%, ué? Para compensar -50%, uma matemática elementar nos leva a conclusão que precisariam de 100% de desvalorização para a simples MANUTENÇÃO dos seus preços em reais"

Bom, aqui sua gramática e sua matemática falharam feio...

Para facilitar sua vida tenho aqu o CRB em reais.

O índice era 732 em julho e 754 em dezembro. A menos de mudanças nos números reais 754 > 732...

O índice de preços em reais das coisas que o Brasil exporta e importa era 115 em julho e 146 em dezembro, com a mesma ressalva.

Nem a concordância, nem a aritmética te salvam. Espero que, pelo menos, tenham te servido um capinzinho sem agrotóxico.

P.S. Se tiver curiosidade, pode ver na função CRB CMDT da Bloomberg os preços de algumas commodities agrícolas em reais no período 15/Set a 31/Dez:


15/set 30/dez %
Açúcar 0,27 0,33 +20,3%
Soja 20,90 23,42 +12,1%
Boi gordo 1,92 2,09 +8,9%
Trigo 14,62 15,57 +6,5%
Milho 10,67 10,45 -2,1%
Café 2,76 2,81 +1,9%
Laranja 2,14 1,94 -9,4%

Gráfico CRB em BRL - Daily Q.CRB -Dia 29/08/2008 = 728
Dia 30/12/2008 = 500.

A menos de mudanças nos números reais 500 < 728, queda de 31% (em BRL) pra te ajudar na conta .... kkkkkk !!!

Nesses "mestradinhos" dessas ciências inúteis não ensinam a ver um gráfico básico, ou vc faltou ao curso de "como usar um bloomberg ou uma reuters" ??

Imagina um jegue desses construindo um foguete, operando um coração ou fazendo qualquer outra coisa que realmente preste ....

(realmente seu comentário foi tão estúpido que minha digitação acelerada "comeu" uma letra ou outra)

"Gráfico CRB em BRL - Daily Q.CRB -Dia 29/08/2008 = 728
Dia 30/12/2008 = 500."

Acabei de checar na Bloomberg. Se tem alguém que não sabe usar, não sou.

De qualquer forma, não me referi ao dado diário e sim ao mensal, que - para pessoas que sabem como buscar o CRB na Bloomberg - mostra exatamente o que eu disse. Sugiro ligar para o Help Desk da Bloomberg; aparentemente há quem atenda pessoas com necessidades especiais.

E você continua se esquecendo que o Brasil não exporta e importa só commodities. Se você souber somar e dividir, tente calcular os preços de exportação e importação em reais. Se você conseguir ganha um torrão de açúcar para acompanhar o feno...

É , foi daí que veio a pressão inflacionária estúpida que verificamos em seguida ??

Vc deve ter razão, tinha que ter subido taxa de juros mesmo. O que o médico disse ?? Se te contrariar piora a esquizofrenia .....

Pra criar esse "mundinho" de fantasia é melhor procurar a entrada para o país de Alice. Vc pode encarnar o chapeleio louco ...

Agora, "CRB subiu em reais de set pra dez de 2008" ?? kkkkkkkkkk !!! Deve ser efeito do cogumelo de Wonderland. Não passa vergonha, Alice !!! Sai desse mundinho de Matrix, entra na mesa de operaçãoes e pergunta pro estagiário que ele te ajuda .....

"É , foi daí que veio a pressão inflacionária estúpida que verificamos em seguida ??"

Que houve? Não havia agrotóxico suficiente no capim?

A questão era decidir na hora, com as informações disponíveis. Você não consegue nem achar as informações DEPOIS do fato e vem cantar de galo?

O jeito mais fácil de ganhar dinheiro é "backtrading". Aproveite e faça uma viagem no tempo. Quem sabe consegue impedir a falta de oxigênio na hora do parto. Aqueles neurônios estão fazendo falta.

A "tia terezinha" do maternal já te ensinou a ver o gráfico do CRB em R$, ô besta quadrada ???

Nossa... Que mocinha chiliquenta... Está sentindo falta?

P... humilhacao. Vc nao tem doh deste coitado?

Não, não tenho não ... E isso porque ele bloqueia metade dos meus comentários .... kkkkkkkkkkkk !!!

O mínimo que esse analfabeto deveria saber era ver um gráfico básico ...

"O mínimo que esse analfabeto deveria saber era ver um gráfico básico ..."

Agora fiquei mesmo com dó. Eu sacaneei a mocinha histérica porque achava que era burra. E ela é deficiente... Nem com o gráfico na frente dela ela consegue ver.

O feno deve ter afetado a visão... Ou então ela estava de costas...

"O feno deve ter afetado a visão... Ou então ela estava de costas..."

Po Alex, pegou pesado. Vc nao tem doh mesmo! Vai ver o cara eh cego he heh he

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, vc achou esse "desenho" aonde ?? No colibri, onde vc estudou ?? kkkkkkkkkkkkkk !!!

Tirou o feijãozinho do manteiiiiiiiiiiiga também ? E a gasolina que vc bebe, tirou também ?

Olha no bloomberg, ô mula !!
CRB BRL
03/09 (começo do mês em que temos uma desvalorização RELEVANTE) : 728
30/12 : 500

Desenhar os pontos é brincadeira !!!! kkkkkkkkkkkkkkkkk !!!! Sai do mundo de Wonderland do chapeleiro louco e da Alice !!!!!

Vc está quase me convencendo que tinha que subir os juros mesmo .... A pressão na inflação foi muito violenta !!! (Vem com outra "tirada" revolucionária dquelas tipo "backtrading"). Que bom que vc como grande trader reinventou a roda. Coloca a fórmula da pólvora tb. Acho que com essas duas "descobertas" vc ganha o NOBEL. Da IMBECILIDADE !!! kkkkkkkkk ....

É verdade, por esse animal as taxas de juros estariam em 30% .....

É, essaí deve ter ganho muito dinheiro com esse "trading" na HORA dele .... hahahahahahhah !!! Ave Soros !!!

Não humilha o sujeito, deixa ele achar que tinha que ter subido mesmo .... Piora o mal de Alzheimer ser contrariado !!!!
Ele deve ter tirado a gasolina do índice e bebido tudo !!! hahahah ... Aprendeu com o Manteiiiiga ....

Ihh. Não é só cegueira. Parece múltipla personalidade...

"Olha no bloomberg, ô mula !!
CRB BRL
03/09 (começo do mês em que temos uma desvalorização RELEVANTE) : 728
30/12 : 500"

Já aprendeu a calcular média, ô animal?

E já arrumou uma resposta para os preços de comércio internacional ou ainda está mastigando seu capinzinho? Hahaha

Agora me diz uma coisa: dói ser tão cretino ou a inconsciência ajuda?

Ele podia dizer o que está achando para o "trading". Aí facilitava muito, era só fazer o contrário !!! kkkkkkkkkkkkkkkk !!! Ajuda aê Símio, o que vc faria no trading ??? kkkkkkkkkkkkkk !!!!

"Bebeu a gasolina do índice" ... kkkkkkkkkkkkkkkkkkk !!!!!!!

Manteiiiiga ensinou a moça direitinho ......... Chupou o limão desse mês também ?? Quem sabe arruma uma "deflaçãozinha" ?? kkkkkkkkkkk !!!

é , isso aí, dá uma diquinha de "forwardtrading" .... O que o "modelinho" está dizendo ?? Choque amanhã ?? huahahahahah ....

Ah, vai se fingir de doente mocinha?

Quer peninha, ou que te peguem no colo mesmo?

Tá com jeito de colo...